terça-feira, 28 de julho de 2009

Não sei o que se passa comigo. Estou estúpida, totalmente distraída e despassarada. Começo a achar que as férias me fazem mal ao cérebro. Tudo bem que há dias assim, mas hoje superei!
Tive aula de condução e, obviamente, é preciso concentração. Pois bem, isso foi o que menos consegui ter. Ou era porque passava um carro conhecido, ou porque passava um cão e ficava montes de tempo a olhar a tentar perceber se seria abandonado ou não (é um assunto que me anda a preocupar, este do abandono dos animais durante a época de férias), ou porque me lembrava das conversas traumatizantes com um amigo meu sobre ovnis e olhava para o céu à procura de uma possível nave espacial, ou então lembrava-me que a seguir ia passar o resto da tarde com uma das pessoas de quem tinha mais saudades, ou então porque me passavam coisas pela cabeça do mais inimaginável que se pode imaginar. Passava-me tudo pela cabeça, menos aquilo que realmente importava e que estava a fazer. Como era de esperar, a aula não correu bem. A certa altura, o intrutor diz-me "Tu hoje estás nervosa" e eu a pensar "Quem me dera estar! Se fosse só isso...".
É impressionante os limites (ou a falta deles) da nossa imaginação (ou da minha). Não entendo esta capacidade psíquica.
E a seguir ao excesso de imaginação vem a ignorância. Pequenos exercícios mentais, como contas de subtrair, por exemplo, hoje tornaram-se verdadeiros problemas.

O que hei-de fazer? Há dias assim e, como me disse um amigo a quem contei o problema, há coisas piores, pateticamente falando. Resta-me ser paciente e esperar que a paranóia passe.

Uma boa semana! :D

3 comentários:

Patrícia disse...

Olá Opalescence,

Cá estou eu de novo... Eu disse que vinha =)

De facto, há dias assim... em que pensamos em tudo menos no que estamos a fazer, funcionamos quase em piloto automático e o nosso pensamento voa, não é assim?

Também me acontece muitas vezes, e então a conduzir é frequente ;) E depois perguntam-me os caminhos... pufff... sei lá por onde é que vou...

Beijinhos!

Cátia disse...

Ola!

Bem... há que ter cuidado... isso de andar ainda a aprender a conduzir e estar distraida, não é coisas muito recomdável. É preciso ter noção da responsabilidade de ter um carro nas mãos: para além da nossa vida, temos responsabilidade pela vida de todos com quem nos cruzamos.

A imaginação tem uma capacidade inimaginável de voar, de se lembrar disto e daquilo mas... para já, enquanto a liçãozinha de condução não esteja bem aprendida recomendo que a tentes controlar. :)

Beijo grande,
CA

ps - mana, mana... entao, andas perdida pelos caminhos?? ai!

Gotinha* disse...

Ola =)
Cada dia é um dia e por vezes temos esses dias estranhos que não fazem lá muito sentido. O melhor, é acordar no dia seguinte e ter a sensação de que foi apenas uma pequena tontice x)

Beijinhos grandes ;D